Postagens

Mostrando postagens de Junho, 2014

Black bloc de verdade ou de mentirinha?...

Imagem
Neste dia 13 o Brasil inteiro viu na tevê uma cena muito interessante: jovem de 16 anos "estilo" Black Bloc (camiseta preta na cabeça), sendo retirado pelos pais da manifestação contra a copa realizada na zona leste de São Paulo. Assista ao vídeo:




O que em muitas reportagens foi resumido a um simples ato de autoridade paterna revela porém detalhes interessantes, como a preocupação dos pais pelo filho com muita ênfase, mas sem aparentar autoritarismo, e a sinceridade do jovem, demonstrando raro interesse cívico e argumentação convincente. 
Outros detalhes, ainda, mostram indícios de alguns tabus da nossa sociedade, que só se revelam em situações inusitadas e espontâneas (nem o pai nem o filho perceberam na hora que estavam sendo gravados):
O pai entende que o filho deveria estar satisfeito com a educação, já que os pais pagam escola particular para ele. Aparentemente, esse pai não tem consciência de que está pagando duas escolas, uma para o filho e uma para os filhos... dos outr…

Na escola pública brasileira tudo é possível!

Imagem
Segue mais uma mensagem recebida da mãe de uma aluna de educação infantil. A mensagem não é mais nem menos importante do que qualquer outra que recebemos, mas é impossível respondê-la diretamente, pois trata-se de mais um comentário postado no blog na página LEIS, que está lotada e não permite mais respostas. Por isso, mais uma vez pedimos para enviar suas mensagens por e-mail e não por comentários! O endereço é educaforum@hotmail.com
Quanto à consulta dessa mãe, a resposta é: sim, na escola pública tudo é possível! A falta de competência pedagógica e de compromisso com o aluno é tamanha que a maioria dos "educadores" (coisa que eles não são...) não encontram outra saída para "resolver" brigas entre crianças pequenas do que enviando-as para a diretoria. Lá, elas costumam ser atendidas por profissionais tão ou mais incompetentes do que aqueles que lavaram as mãos e assim o círculo se fecha sem qualquer solução. Mas atenção: na rede particular a situação é tão grave…

Consultas por E-MAIL, não por comentário!

Imagem
Mais uma vez pedimos que solicitem informações e orientações por e-mail e não por comentário nas páginas internas. As páginas que tratam de expulsão e assédio moral estão tão inchadas de comentários que não conseguimos mais responder! O e-mail é educaforum@hotmail.com. Um abraço!